By

3

Antes de tudo, preciso derrubar um mito: nenhuma cena de O Poderoso Chefão foi realmente filmada em Corleone. Muita gente imagina Corleone como uma espécie de “Projac” do filme, mas não é bem assim. Por um motivo ou outro, várias outras cidades da Sicília assumiram o papel de Corleone na trilogia de Francis Ford Coppola, portanto as locações de O Poderoso Chefão estão espalhadas pela ilha, formando um roteiro para os apaixonados pelo filme.

Há diferentes teorias que explicam o motivo pelo qual Coppola não pôde – ou não quis – rodar as cenas na cidade de Corleone em si. Segundo alguns, os chefões que comandavam a máfia na época (lembro que o período entre os anos 60 e 90 foi muito difícil para Corleone e Palermo no que se refere à luta contra a Cosa Nostra) não deram permissão. Outros dizem que Corleone já era uma cidade bem desenvolvida, portanto inadequada para o cenário desejado pelo diretor. Enfim, qualquer que seja o motivo, que só Coppola sabe, as cenas que se passam na Itália foram gravadas em diferentes cidades pequenas da Sicília.

 

O Poderoso Chefão 1

Estamos no primeiro filme da Trilogia. Michael chega a “Corleone” com seus capangas e um deles aponta para a cidade lá no alto e diz: lá está Corleone. O panorama que a gente vê no filme, é na verdade, a cidadezinha de Motta Camastra, no leste da Sicília. Motta Camastra não tem nem 1000 habitantes e fica a cerca de 30km de Taormina.

Não é Corleone, mas sim Motta Camastra.

Não é Corleone, mas sim Motta Camastra. Foto: WikiCommons

Um dos capangas continua apresentando a cidade a Michael, mostra os cartazes fúnebres enquanto passeiam e passam na frente de uma igreja. As ruas e a igreja ficam em Forza d’Agrò.

Saiba mais sobre Forza d’Agrò AQUI.

locações de o poderoso chefão - Forza d'Agrò

Michael e seus capangas caminham pelas ruas de “Corleone”. Trata-se da cidadezinha de Forza d’Agrò.

Quem não lembra do bar do pai de Apollonia, de Michael pedindo a moça em casamento, dos noivos saindo da igreja? Estas cenas foram rodadas em Savoca, um vilarejo na costa leste da Sicília, não muito distante de Taormina. Por causa disso, Savoca ficou famosa no mundo inteiro e atrai turistas apaixonados pela saga da família Corleone. A cidade fez disso um verdadeiro negócio da China, tanto que o bar Vitelli até hoje está do jeitinho que a gente vê no filme.

Bar Vitelli em Savoca

Bar Vitelli em Savoca

Bar Vitelli em Savoca

A cena do filme – Foto: Reprodução

As cenas do casamento de Michael e Apollonia foram filmadas na igrejinha de San Niccolò, ainda em Savoca.

igreja o poderoso chefao

Igreja de San Niccolò, em Savoca.

casamento michael corleone

O casamento de Michael e Apollonia em O Poderoso Chefão I. Foto: Reprodução.

 

O Poderoso Chefão partes 2 e 3

Em O Poderoso Chefão parte 2 há diversas cenas ambientadas na casa de Michael Corleone na Sicília, inclusive aquela da morte de Apollonia. A mesma casa também aparece no terceiro filme da saga. O lar de Michael em “Corleone” é, na verdade, um palacete situado na cidade de Fiumefreddo di Sicilia. Infelizmente o palácio, chamado Castello degli Schiavi, não fica aberto para a visitação porque é uma propriedade privada. Quem teve sorte, conseguiu participar de algum evento realizado lá. Clique AQUI para saber mais sobre o palácio.

 

Outras locações de O Poderoso Chefão 3, como a casa de Don Altobello, foram gravadas em Acireale, cidade bem pertinho de Catânia, e o lugar se chama Villa La Limonaia.

Uma outra cena marcante do terceiro filme é a chegada de Kay (Diane Keaton) de trem. Apesar de aparecer claramente uma placa que indica Bagheria, trata-se da lindíssima estação ferroviária de Taormina-Giardini. Certamente Coppola deve tê-la escolhido por sua beleza arquitetônica, muito mais cinematográfica do que aquela de Bagheria.

locações de O Poderoso Chefão

Kay encontra Michael Corleone na estação ferroviária de Bagheria, que não é Bagheria, mas Taormina.

locações de O Poderoso Chefão

A estação de Taormina-Giardini hoje em dia.

Caminhamos já para o final de O Poderoso Chefão 3. Anthony, filho de Michael, é um cantor lírico e se exibirá em Palermo, atuando na ópera Cavalleria Rusticana. Para comemorar o sucesso do filho, Michael Corleone organiza uma festa em Bagheria. Na realidade, as cenas da festa não foram filmadas em Bagheria, mas num palácio chamado Villa Malfitano em Palermo. O palácio fica dentro de um parque e felizmente ambos podem ser visitados de segunda a sábado, das 9 às 13h (veja a localização da Villa Malfitano no mapa no final do post).

Momento do espetáculo, estamos no Teatro Massimo de Palermo. O teatro fica bem no centro de Palermo e é uma atração imperdível para qualquer pessoa que visita a capital da Sicília. Em suas escadarias aconteceram um dos tiroteios mais famosos de Hollywood e quem assistiu a O Poderoso Chefão 3 sabe do que eu tô falando…

IMG_1010

Teatro Massimo de Palermo - locações de O Poderoso Chefão

As flores fazem parte da decoração de Natal, período em que tirei esta foto.

O Teatro Massimo pode ser visitado todos os dias, das 9h30 às 18h. A visita, que é guiada, custa 8 euros. Saiba mais AQUI. Aproveite e fique com a cena da apresentação de Anthony Corleone na Cavalleria Rusticana.


A cena final de O Poderoso Chefão 3 é a casa de Don Tommasino. Trata-se novamente do Castello degli Schiavi, em Fiumefreddo di Sicilia.

Como vocês podem ver, nadinha foi gravado em Corleone. Aliás, a maior parte das cenas ambientadas na Sicília foram rodadas no leste da ilha, lugares bem distantes de Corleone. Espero não ter desapontado os grandes fãs do filme, que podem aproveitar e vir conhecer as belezas da Sicília!

 

Mais dicas

Saiba mais

 *Este post contém links para afiliados. Para ver nossa política de monetização, clique aqui.

 

♦ Mapa                                                                                     

12 Comments

  1. Maria Emília Corrêa Viana / 26/02/2019 at 00:04 /Responder

    Muito bom o post, agora em março/2019 irei visitar esses locais na Sicília, obrigado pelas indicações.

  2. Marcello Panebianco / 28/08/2018 at 19:50 /Responder

    Belo artigo Patricia! Estou planejando meu 3º giro pela Itália, e dessa vez vou incluir alguns dias na Sicilia e como sou fã dos filmes dos Corleones, suas dicas serão muito úteis!. Parabéns!

    • Patrícia Kalil / 29/08/2018 at 10:09 /Responder

      Olá Marcello,

      Que bom que gostou! Esses lugares são imperdíveis para os fãs de O Poderoso Chefão.

      Um abraço,

      Patricia

  3. Marco Fabio / 23/04/2018 at 05:21 /Responder

    Me basiei neste artigo para minha prima volta na Sicilia, e quanta emoção.

  4. Jharyel Oliver / 19/04/2017 at 15:56 /Responder

    Lembro da cena do bar e procurei feito louco pelo googlearth em Corleone…por isso nunca achei. kkkk Magnifico. Assim que possível ( resolvidas as tensões de terremotos..terrorismo e guerra nuclear ) irei visitar. Parabéns pelo blog.

    • Patrícia Kalil / 19/04/2017 at 16:00 /Responder

      Olá Jharyel,

      OS terremotos aconteceram no centro da Itália e não na Sicília, mas se você ficar esperando que passe tudo, chega o ano de 2100 e você ainda não veio. rsrs

      Um abraço,

      Patricia

  5. Walther Nogueira Santos Filho / 28/02/2017 at 03:59 /Responder

    Parabéns pelo post Patrícia. Vou compartilhar no Facebook. Quando estive aí me chamou a atenção o Teatro Massimo em Palermo, que desconfiei que fosse do último filme, conforme mencionei no relato de nossa viagem, o primeiro de seu site, em que tive o prazer de ser convidado por você. Seu blog continua excelente. Parabéns. Saudades da Sicília. Qualquer dia voltaremos.

    • Patrícia Kalil / 28/02/2017 at 12:20 /Responder

      Olá Walther!

      Que bom ler seu comentário aqui. Seu roteiro até hoje é um dos posts mais acessados do blog e já inspirou muita gente! Pois é, as escadarias do Teatro Massimo ficaram imortalizadas no último filme, com aquela cena trágica.

      Um grande abraço e voltem mesmo!

      Patricia

  6. Francisco legname Martins / 31/12/2016 at 20:31 /Responder

    Olá Patricia…Como vai??? E.chamo Francisco legname Martins e sou de São Paulo-Brasi e sou apaixonado pela.italia, especialmente. A Sicília, meu bisavô veio de Bagheria por volta de 1912, enfim estou pensando em conhecer e saber mais da família legname. Emfim, fiquei surpreso em.vc.ser especialista na Sicília… Gostaria de manter contato c vc. Segue meu contato engenheirolegname@gmail.com
    Obrigado
    Cordialmente
    Francisco

Deixe uma resposta

4

Style Switcher

Skin:

Backgrounds:

                       

You can also upload your own background from the Admin Panel.

Highlight Color:

             

Best viewed within the shop.

You can also create your own highlight color from the Admin Panel.