By

O Duomo de Milão, a Basílica de São Francisco de Assis, o Ermitério de Camaldoli, a Catedral de Trani, a Abadia de Montecassino, o Mosteiro de Santa Escolástica em Subiaco, a Igreja do Gesù em Roma, o Santuário de Greccio , a Certosa de Padula… Qual a diferença entre Duomo, catedral e Basílica?

Para você todos eles poderiam parecer genericamente “igrejas”, locais de oração e/ou lares de monges ou sacerdotes. No entanto, apesar de todos serem edifícios religiosos, cada um possui diferentes denominações e evoca um caminho, uma sedimentação da história e da cultura que o caracterizam. Neste artigo, tentamos explicar um por um esses edifícios religiosos.

Duomo, Catedral ou Basílica?

Duomo (do latin domus – casa) é a igreja principal de um centro urbano, e também é frequentemente a Catedral da Diocese.

Catedral deriva da palavra cathedra (ecclesia cathedralis em latim), porque abriga a cadeira do bispo. Outro nome usado para indicar a catedral é “ecclesia mater”, para indicar que é a “igreja mãe” de uma diocese. Dada a sua importância, também é chamada ecclesia maior. Também por causa de seu papel como a principal “casa de Deus” em uma região

Já o termo Basílica tem origens antigas, mas seu significado evoluiu com o tempo. Na Roma Antiga, a Basílica era um edifício usado como local para reuniões públicas e administração da justiça. A partir do século V o termo Basílica passou a indicar um edifício de culto dividido em três ou cinco naves e com uma abside final, enquanto nos dias de hoje, o nome da basílica é utilizado para identificar as igrejas que receberam este título conferido pela Santa Sé ou que o possuíam por costumes imemoriais.

As Basílicas podem ser “papais” (anteriormente “patriarcais”) ou “pontificais”, “principais” (basilicae maiores; caracterizados pela presença do trono e altar papais) ou “menores” (basilicae minores).

Duomo de Siena

Os “Duomos” nas cidades à frente de uma diocese também são catedral, ou seja, uma igreja com uma “cadeira” (cátedra) de um bispo. Em áreas particularmente ricas ou atravessadas por fortes competições paroquiais, cada cidade queria o seu “Duomo” e, por esse motivo, o termo Duomo não deve ser confundido com a catedral.

Espero que até agora tenha sido claro a diferença, mas agora eu quero confundir suas idéias! O Duomo de Milão é famoso em todo o mundo, e é simplesmente chamado Duomo por todos. Bem, o nome exato é: Basílica Catedral Metropolitana da Natividade da Bem-Aventurada Virgem Maria – Catedral de Milão – (Basilica Cattedrale Metropolitana della Natività della Beata Vergine Maria). Sabe por quê?

  • Basílica porque recebeu o título que lhe foi conferido pela Santa Sé
  • Metropolitana, porque está localizado na metrópole milanesa
  • Catedral porque é a sede do bispo
  • Duomo porque é a igreja principal de um centro urbano.

A Igreja, no sentido literal, é um edifício religioso dedicado especificamente ao culto religioso cristão. Simplificando, uma “Igreja Simples” é aquela que não é uma Catedral, Duomo, Basílica, Mosteiro e assim por diante. Geralmente uma paróquia é baseada em uma igreja “simples”.

Santuário Madonna della Corona

Santuário Madonna della Corona

Mosteiro, Convento, Abadias ou Ermitério?

No mundo religioso católico  existem inúmeras interconexões. Vamos seguir as ordens religiosas para compreender a diferença entre mosteiros, conventos e abadias.

Um mosteiro é um edifício comum onde vive uma comunidade de monges ou monjas, sob a autoridade de um abade ou abadessa. Os mosteiros não constituem uma ordem religiosa: cada um deles pode ser uma comunidade separada ou fazer parte de confederações, com algumas funções de coordenação e ajuda mútua. No entanto, Mosteiro não é sinônimo de convento.

Um convento é um complexo residencial típico da organização comunitária da vida consagrada no cristianismo latino, especialmente o católico: em particular, o convento é o local que abriga uma comunidade de ordem mendicante. A principal função do convento é hospedar pessoas que vivem em uma comunidade religiosa (se for do sexo masculino, composto de padres e frades leigos, se for do sexo feminino apenas de freiras) e os serviços necessários para a própria comunidade (igreja, cantina, lavanderia etc.), e possivelmente fornecido por ele para o mundo exterior (especialmente escolas).

Por exemplo, em Subiaco há o Mosteiro de Santa Escolástica, fundado por volta de 500 por San Benedetto, enquanto em  Assis não chamamos simplesmente de Convento, mas de Sacro Convento, pois o próprio São Francisco deu origem às primeiras Ordens Conventuais. Na verdade, nos tempos modernos, as duas realidades são bastante semelhantes, ambas baseadas na vida comum marcada pelo trabalho e pela oração e regulada pelo Custode.

lugares por onde passou São Bento

Mosteiro de São Bento em Subiaco

O caso da abadia é um pouco diferente . O termo deriva do latim abbatīa, ou “o que pertence ao abade”, mas com o tempo assume um significado mais amplo do complexo de bens administrados por esse ofício religioso. De fato, muitas vezes “abadia” significa não apenas o edifício em si, mas também o assentamento que se desenvolveu ao seu redor. Para ficar mais claro, o território da abadia é formado pelos edifícios e territórios vizinhos que estão sob seu controle.

Um santuário, como o nome já sugere, é um local considerado sagrado para a manifestação do divino, para a presença de sepultamentos de importantes personagens ou relíquias, ou porque está ligado a eventos considerados sobrenaturais. Pense nos santuários franciscanos, lugares que viram a presença de São Francisco de Assis ou nos santuários de Lourdes, Fátima, onde as aparições de Maria são veneradas.

O Ermitério (do grego ἔρημος érēmos), em português também é utilizado a palavra Eremitério, é um local de difícil acesso, onde um ou mais indivíduos, chamados eremitas ou anacoretas, se retiram voluntariamente, excluindo-se da sociedade, para levar uma vida de oração e/ou ascetismo.

Eremo (ermitério) delle Carceri

Depois de ler este texto didático, tire um dia relaxante e visite alguns desses lugares, cantos muitas vezes encantados do paraíso em nossa bela Itália, admire as obras de arte guardadas no interior.

Mais dicas

  • Procura experiências únicas na Itália? Veja nosso guia
  • Procura hotéis na Itália? Veja a lista de hotéis testados por nós ou veja preços no booking
  • Faça um passeio particular com Guias em Portuguêsveja aqui – e aproveite mais a viagem.
  • Procura Transporte na Itália? Temos serviço de Van com Motorista e barcos.
  • Faça uma sessão fotográfica na Itália e fique uma recordação única da sua viagem. Veja aqui.
  • Aprenda a cozinhar com um italiano, uma experiência imperdível! Aula de culinária particular na Itália, diversão garantida. Roma, Toscana e Piemonte

Saiba mais

* Este post contém links para afiliados. Para ver nossa política de monetização, clique aqui.

 

Deixe uma resposta

Style Switcher

Skin:

Backgrounds:

                       

You can also upload your own background from the Admin Panel.

Highlight Color:

             

Best viewed within the shop.

You can also create your own highlight color from the Admin Panel.