By

É bem fácil passear por Nápoles e passar o tempo inteiro comendo! É que tem tanta coisa deliciosa para experimentar e a cidade certamente tem um dos maiores patrimônios gastronômicos da Itália. A culinária napolitana é muito variada e, assim como aconteceu em várias outras regiões, principalmente no sul da Itália, sofreu influência de todas as dominações que passaram por lá.

Não vou entrar em detalhes de pratos que você encontra em restaurantes, até porque o texto seria infinitamente longo. A ideia aqui é exemplificar aquelas guloseimas, comidinhas de rua e outras delícias que podem ser encontradas em qualquer lugar de Nápoles, mesmo que você passe apenas poucas horas na cidade, coisa que espero que não o faça, visto que Nápoles é incrível e merece vários dias dedicados a ela.

 

O que comer em Nápoles

Não  vá embora de Nápoles sem comer…

 

Frittatine

Uma das comidinhas de rua mais “gordas”, a frittatina é um bolinho frito de macarrão misturado presunto, ervilhas (às vezes), queijo e molho branco. Você as encontra em qualquer lanchonete ou “friggitoria” (lugar onde são vendidas coisas fritas) de Nápoles, assim como em pizzarias e restaurantes (muitas vezes são oferecidas como entradas).

o que comer em Nápoles: frittatine

Foto: gelartigiano.it

Na próxima vez que sobrar macarrão na sua casa, corte-o e misture com os outros ingredientes que citei, faça um bolinho, passe na farinha de rosca e frite. Vai ver que delícia que é!

 

Montanara

A montanara, um lanche delicioso, é uma pequena pizza frita, bem macia, coberta com um pouco de molho de tomate, parmesão e manjericão. Assim como a frittatina, a montanara pode ser encontrada em qualquer lanchonete de Nápoles, mas um dos lugares que fazem a melhor montanara é a pizzaria Starita (Via Materdei, nº 27, Nápoles), famosa também por ter sido a pizzaria de Sofia Loren no filme O Ouro de Nápoles .

 

Comida de rua em Nápoles - Montanara

 

Pizza

Apesar de viver na Itália há mais de oito anos, achava que sempre tinha comido boas pizzas, isso até comer a pizza de Nápoles.

Nápoles tem a melhor pizza da Itália e ponto final, e não só por causa da maravilhosa muçarela, do molho de tomates fresquíssimo, é justamente o modo de fazê-la. Não por acaso a Itália candidatou a arte dos pizzaiolos napolitanos a Patrimônio da Humanidade da Unesco.

pizza

Tentei perguntar a um pizzaiolo napolitano qual o segredo daquela pizza tão deliciosa e a resposta foi: além da escolha de ingredientes de altíssima qualidade, o segredo também está no forno à lenha super quente (300-400ºC). A pizza assa no forno somente por uns dois minutos, enquanto o pizzaiolo a gira com uma pá. O resultado é uma pizza bem fininha, com as bordas levemente crocantes e o centro macio. Uma delícia!

Ah, existe uma versão “street food” da pizza. É a “pizza a portafoglio“, ou seja, um pouquinho menor que a pizza tradicional e dobrada em quatro!

Pizza "a libretto" ou "a portafoglio", ou seja, dobrada em para ser consumida na rua. Foto: Commons

Pizza “a libretto” ou “a portafoglio”, ou seja, dobrada em para ser consumida na rua. Foto: Commons

Mozzarella de Búfala

Além de comer uma pizza com mozzarella (ou muçarela) de búfala, algo que eu aconselho a fazer é ir a uma queijaria (caseificio) ou salumeria e pedir para fazer um sanduíche com a muçarela fresca.

Mozzarella campana - Foto: Commons

Mozzarella campana – Foto: Commons

A muçarela é produzida diariamente porque teoricamente teria que ser consumida no mesmo dia.  Ela tem um sabor indescritível e quase derrete na boca de tão macia.

Sem nada ou mesmo temperada com um pouquinho de azeite e óregano, é preciso provar para crer!

 

Babá

Babá

Babá simples

Doce napolitano por excelência, o babá é um bolinho esponjoso embebido em xarope de rum. Os babás de Nápoles derretem na boca de tão macios e é possível encontrá-los na versão simples (sem nada) ou com creme ou chantilly.

Babás recheados.

Babás recheados.

Para se ter uma ideia, o babá é algo tão sério para os napolitanos, que o maior elogio que se possa fazer a uma pessoa doce, de coração bom, é dizer “tu si nu’ babbà”.

 

Pastiera

A pastiera é um doce tradicional da Páscoa, mas a encontrei no café da manhã do hotel em pleno novembro, então imagino que hoje em dia a produção da pastiera não é mais exclusiva do período pascoal.

Trata-se de uma torta de massa frola recheada com uma mistura de ricota, açúcar, ovos, trigo cozido no leite e frutas cristalizadas (opcional). A massa é crocante e o recheio macio. É uma torta muito rica e calórica, como são os doces pascoais italianos, por isso você come um pedacinho e já fica satisfeito.

O que comer em Nápoles

Pastiera acompanhada de um copinho de limoncello. Foto: Commons

Uma das confeitarias mais tradicionais de Nápoles onde você pode comprar a pastiera é a Scaturchio (Piazza San Domenico Maggiore, nº 19, Nápoles).

 

Sfogliatella

Assim como o babá, a sfogliatella é um dos doces símbolo de Nápoles e há dois tipos: a sfogliatella riccia e a sfogliatella frolla.

A sfogliatella riccia é uma espécie de massa folhada (fininha e crocante) recheada com ricota, canela e frutas cristalizadas.

O que comer em Nápoles

“Sfogliatella Riccia” – Foto: WikiCommons

A outra versão, a sfogliatella frolla é mais macia e feita com massa frola, mas o recheio é o mesmo.

E depois de tanta comilança, não deixe de tomar o autêntico café napolitano, forte, corposo, único, mas esse será assunto para outro post…!

Viu quanta coisa gosta é possível comer em Nápoles? Melhor do que simplesmente comer, é fazer um passeio gastronômico, conhecendo a cidade enquanto degusta essas delícias (veja ESTA opção).

 

Mais dicas

Saiba mais

* Este post contém links para afiliados. Para ver nossa política de monetização, clique aqui.

 

♦ Mapa                                                                                     

The following two tabs change content below.
Patrícia Kalil
Patricia Kalil, graduada em administração de empresas, mora na Sicília desde 2007 e é autora do blog Descobrindo a Sicília. Ela deixou o calor e as festas de Salvador para abraçar as belezas de outro lugar tão acolhedor quanto a Bahia e mergulhou na cultura e na história milenar da Sicília. Apaixonada desde sempre por viagens e pela língua e cultura italiana, acabou unindo o útil ao agradável e decidiu espalhar aos quatro ventos que a Sicília merece ser vista.

8 Comments

  1. Paulo / 29/10/2017 at 06:22 /Responder

    Se você é brasileiro não vá à Pizzeria Trianon. Fomos muito mal atendidos e o garçom tratou nosso filho mal. Levantamos e fomos embora na hora e o dono foi sarcástico e disse: “Thank you very much! Bye bye.” Por isso o local estava vazio. Fomos à Pizzeria D’angeli e tivemos um excelente atendimento.

    • Patrícia Kalil
      Patrícia Kalil / 29/10/2017 at 23:27 /Responder

      Olá Paulo,

      Que pena que você teve uma experiência ruim. Felizmente encontrou outro lugar muito melhor e pôde experimentar uma pizza napolitana como se deve!

      Um abraço,

      Patricia

  2. Marta / 27/08/2017 at 15:14 /Responder

    Que bom encontrar dicas assim boas e práticas!!
    Muitas vezes, é dificílimo viajar e saber onde ir ! Você ainda vive na Sicília?

  3. Pricila Rocha / 26/01/2017 at 21:15 /Responder

    Nossa….. simplesmente encantada. Sao de encher os olhos. Amei o post.

  4. Cyntia Campos / 11/04/2016 at 03:18 /Responder

    Nápoles é assim, tudo é maravilhoso. É a cidade mais bonita que já vi, a comida é um escândalo, o idioma é uma melodia (idioma, sim. Não chamo de dialeto). Sou arriada de quatro pneus, como se dizia antigamente 😉

  5. Cláudio Mesquita / 10/04/2016 at 21:29 /Responder

    Gente, que é isso!
    Típico pecado para o paladar e para os sentidos!
    Estive recentemente na Itália, não passei por Nápoles, mas deu vontade de ir, só para me acabar nessa fartura de coisas boas!
    A Itália é um país muito abençoado por Deus, além de ser lindíssimo, muito seguro e com uma culinária de cair o queixo!
    Parabéns pelo post!

Deixe uma resposta

Style Switcher

Skin:

Backgrounds:

                       

You can also upload your own background from the Admin Panel.

Highlight Color:

             

Best viewed within the shop.

You can also create your own highlight color from the Admin Panel.