Por

A cidade  de Mercatello sul Metauro na região de Marche, na Itália, é uma pequena comunidade de aproximadamente 1.500 pessoas que vivem a vida como deveria ser – simples e autêntica, genuinamente italiana.

Mercatello é um lugar que o convida a participar do genuíno modo de vida italiano – ver um empresário saboreando um longo almoço de massas com seu gerente de banco, torcer pelo time de vôlei da cidade na piazza no verão, observar o dia sagrado de domenica (Domingo), assista ao debate das nonnas no balcão da delicatessen sobre qual formaggio (queijo) para servir com o jantar ou sente-se entre os locais no bar para o fim da noite de sexta-feira.

Com vista para o vale desde os seus 500 metros de altitude, Mercatello sul Metauro inseriu-se na rede italiana das mais belas cidades históricas em 2018 – “i borghi più belli d’Italia”, graças ao seu centro medieval bem preservado. Fica a 30 minutos de Urbino, uma das cidades mas famosas da região Marche.

Por muito tempo um cruzamento entre Marche, Umbria e Toscana, Mercatello foi sede de um mercado duas vezes por semana que atraía gente da zona rural circundante, daí o seu nome (em italiano, mercato é mercado).

O centro medieval se tem acesso por uma ponte românica de três arcos que passa sobre o rio. Das quatro portas de acesso do século XVI, apenas uma permanece, a Porta Metauro.

Passeando pela cidadezinha, existem vários edifícios históricos e igrejas para ver:

  • a antiga igreja paroquial de San Pietro d’Ico, que mais tarde se tornou a igreja dos Santos Pedro e Paulo, o edifício em torno do qual a cidade foi fundada no século X
  • a igreja gótica de São Francisco do século XIII, com notável coleção de pinturas, incluindo um retrato de Federico da Montefeltro, um dos condottieri mais bem-sucedidos  do Renascimento italiano e senhor de Urbino de 1444 até sua morte, e o museu adjacente à Igreja, onde se encontra um Crucifixo de madeira de Giovanni da Rimini
  • convento de Santa Verônica (mártir do século XVI), a santa local e muito venerada

Este slideshow necessita de JavaScript.

  • a ponte românica sobre o rio Metauro;

  • Na praça central Garibaldi, vale a pena visitar a Igreja Collegiada, que preserva a alvenaria do edifício românico, com belas janelas góticas e um antigo ícone bizantino representando a Madonna delle Grazie em uma preciosa caixa de madeira dourada e pintada. O Museu da Collegiata reúne uma grande coleção de móveis sagrados.
  • a pequena coleção de arte contemporânea dentro do Palazzo Gasparini que domina a praça;

Entre as especialidades culinárias, lembramos:

  • a preciosa trufa negra de verão ou scorzone
  • a escuna, um salame típico de Marche cozido com sálvia e vinagre
  • o bostrengo, uma sobremesa típica de inverno feita com nozes e passas.
  • um prato típico da região são os chamados ‘tacconi’, massas artesanais feitas com ovos, farinha de trigo e fava, semelhantes ao tagliatelle.

Os eventos importantes de Mercatello sul Metauro são: a Feira de S. Veronica, que acontece nos primeiros dez dias de julho e o Palio del Somaro (primeira quinzena de julho), é uma corrida de habilidade com burros que envolve toda a cidade, pois o torneio é entre os quatro bairros da cidade combinado com jogos, degustações gastronômicas e um festival especial dedicado ao tagliatella.

Perto dali: Castello della Pieve

É possível visitar perto da cidade, o vilarejo de Castello della Pieve, uma aldeia medieval onde, como recorda a placa na torre, foi ali que Carlo di Valois e Corso Donati decidiram, em 4 de outubro de 1301, o exílio de Dante Alighieri.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Minha estadia em Mercatello sul Metauro:

Eu fiquei hospedada junto com outros colegas à convite da proprietária de uma Villa na cidade, por isso gostaria de lhe indicar o texto que eu fiz contando um pouco sobre essa viagem entre Toscana e Marche que fiz em 2016 – Roteiro entre Toscana e Marche: descobrindo a simplicidade da “dolce vita italiana”

Nossa casa em Mercatello era o Palazzo Donati , de propriedade da família Donati, um belo edifício localizado na praça da cidade. O palácio formidável data de 1700. Ao subir uma ampla escadaria de pedra até o primeiro andar, você chega a uma impressionante área de recepção. A propriedade possui duas cozinhas: a primeira bem rústica à cozinha com lareira aberta (onde tivemos aula com a Lea, veja abaixo); a segunda cozinha é comercial.

A propriedade tem oito quartos e pode acomodar 17 pessoas durante os meses quentes. Três quartos sem aquecimento são fechados durante o inverno e a capacidade de hospedagem é reduzida para 11. A fachada de pedra  do Palazzo esconde a área de jardim íntimo atrás do Palazzo. Que local ideal para ler, escrever e relaxar.

O dia na cidade sempre começava com o café da manhã no bar local, Caffe Rinaldi.

Durante nossa estadia, tivemos a oportunidade de fazer várias atividades, como uma aula de culinária e de conhecer o trabalho manual local.

Também tivemos a oportunidade de conhecer a talentosa, a campeã indiscutível e a rainha suprema da massa: Lina !!! Ela venceu todos os adversários locais e, em seguida, ja ganhou do chef britânico Jamie Oliver. Ela é uma maravilha que faz macarrão com um sorriso tão largo quanto seu rolo de massa.

Cada uma de nós arriscou fazer como a Lea, confesso que nem todos se saíram tão bem (incluindo eu), porque cozinhar a massa é uma coisa, fazê-la bem é uma arte!

Agora chegamos em Mercatello sull Metauro, na região de Marche! Aula de massas! Estamos aprendendo a fazer Tagliatelli!!!

Um vídeo publicado por Itália Para Brasileiros (@italiaparabrasileiros) em

Jantamos depois o tagliatelli delicioso que fizemos com a Lea… e juro… parecia derreter na boca, nunca comi uma massa assim tão fina de tagliatelli!!!

Uma das noites tivemos um animado jantar, convidados pela Lea (a que fez as massas no outro dia) onde a sua família e a família Donati (nossos anfitriões) fizeram um verdadeiro festival de pizzas. Foram mais de 10 tipos diferentes de pizzas, feitas na hora, de salgadas a doces, maravilha!!!!

O mais legal de tudo, é esse espírito feliz de receber, onde toda as famílias e seus membros se reúnem bem boa comida, para o convívio e o deleite. Fiquei so reparando na maneira interessante de fazer a pizza… tinha uma ordem? não.. se inventava tudo na hora!

Entre os artistas locais, conhecemos o aclamado escultor italiano Pasquale Martini, que possui um verdadeiro refúgio em meio ao verde. Ele nos mostrou um pouco do seu trabalho, explicou suas obras que ali estavam expostas e contou um pouco da sua vida. Achei tão fabuloso poder ter a honra de ouvir do próprio artista a sua inspiração e a explicação das suas obras, realmente foi um momento mágico. Ele recebe alunos do mundo inteiro no decorrer do ano para um estágio.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Conhecemos ainda o trabalho das rendeiras, que fazem o “ricamo“, ou seja ao bordado marchigiano. As senhoras da cidade ensinam as meninas 3 vezes por semana a fazer a renda à maneira antiga, fazendo assim com que a tradição não acabe.

Hoje conhecemos um pouco das rendas marchigianas (da região Marche)! Muita precisão e paciência!

Um vídeo publicado por Itália Para Brasileiros (@italiaparabrasileiros) em

E no último dia tivemos um jantar especial com o animado grupo da Accademia del Padlot, uma sociedade gastronômica de nove homens locais dedicada a alimentos e degustação de vinhos. Este grupo de homens raramente prepara comida para grupos de fora, preferindo cozinhar para eles mesmos, para a família e amigos, mas tivemos essa honra, foi uma noite incrível preenchida com ótima comida e risos.

Montestigliano Palazzo Donati_10

Eles se reúnem todos os dias para tomar uma bebida, uma vez por semana para um jantar e uma vez por ano para uma viagem. Isso há mais de 20 anos. Eles anualmente alugam um pequeno ônibus e viajam para outras regiões da Itália conhecer a gastronomia do país. Padlot significa “uma concha gigante ou uma colher que é usado para derramar vinho!”. Vinho é o que mais flui durante os seus jantares e não termina nunca.

Cada membro do grupo tem uma habilidade diferente na cozinha. Eles têm diferentes idades e profissões.A cola que adere este grupo é a amizade, em união ao amor pelo vinho, gastronomia e a alegria de estar junto.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Eles ainda nos ensinaram como se faz o queijo local e a ricota. Nesse jantar ainda conheci um diretores “sceneggiatori”, ou seja, diretor de produção do filme “Sob o sal da Toscana”, que sentou ao meu lado no jantar e me deliciou com histórias da gravação deste filme e de outras produções que ele trabalhou. Antes de aposentar-se trabalhou na série Roma, e ganhou até um grammy!!!

Mercatello palazzo donati_7

O pessoal aqui da cidade é um amor! Durante nossos passeios pela cidade encontramos alguns senhores que nos pediram pra tirar algumas fotos porque “queriam aparecer nos nossos blogs”, que fofos!!!

E assim terminou minha deliciosa viagem por essas duas regiões maravilhosas da Itália, uma experiência inesquecível, para viver como local.

Agradecimento especial:

Ainda gostaria de agradecer a família Donati, em especial a Luisa Donati por estar conosco nesses dias de viagem. São anfitriões maravilhosos, que fizeram esta viagem tão divertida e nos fizeram sentir em casa. E claro, porque tivemos possibilidade de conhecer várias pessoas, lugares e artistas que realmente não teríamos conhecido sem a sua assistência. Valeu!!!

Nota: Eu participei desta viagem de imprensa como convidada pela família Donati, proprietário de Montestigliano, Villa Pipistrelli e Palazzo Donati, e Nancy Klabil. Este post faz parte de uma série de textos baseados nas minhas experiências durante esta viagem. Todos serão identificados. Não recebi dinheiro para escrever, não tenho nenhum vínculo de obrigações de produção de textos, divulgação de mídia social, portanto tenho total liberdade editorial.

Informações:

Palazzo Donati
Via Bencivenni, 29
Mercatello Sul Metauro (PU)
(39) 0577 342189info@palazzodonati.com
www.lemarcheholidayvilla.com
Museo di San Francesco
mercatello@museodelmetauro.it
-
Pro Loco Mercatellese: informações sobre visitas e sobre as rendeiras
tel. 0722 89819 – 345 5626403  info@proloco-mercatello.it
-
Comune di Mercatello sul Metauro:
tel. 0722 89114 comune.mercatello@provincia.ps.it
Ponto de Informação turística:
Corso Benciveni, 27 – 0722 89114
Caffe Rinaldi
Via Bencivenni 19
(39) 0722 816019
Escultor: Pasquale Martini
Podere Campolungo 10-
-61040 Mercatello sul Metauro (PU)-
Tel/Fax:0039-0722-89962 – Cell:0039-377-2323131 – Cell2:0039-338-8013620
E-Mail: arteart@pasmart.it
http://www.pasmart.it

Mais dicas

Saiba mais

 

 

Deixe uma resposta

Style Switcher

Skin:

Backgrounds:

                       

You can also upload your own background from the Admin Panel.

Highlight Color:

             

Best viewed within the shop.

You can also create your own highlight color from the Admin Panel.