By

Share on Facebook157Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Share on Tumblr0Email this to someonePrint this page

Já escrevi que Monopoli é uma cidade surpreendente: graciosa, pitoresca, não tão turística quanto as suas vizinhas famosas (Polignano a Mare e Alberobello), uma daquelas jóias que faz a gente ter vontade de ir ficando ou de voltar sempre que for possível.

Como eu tive a possibilidade de passar três dias lá, meu roteiro foi recheado de atividades interessantes. Além de conhecer a cidade, que é bem pequenininha e, portanto, pode ser vista todinha em um dia só, também fiz uma série de passeios que contribuíram em maneira sublime a transformar a minha estadia em Monopoli em uma experiência maravilhosa.

Mas vamos ao que interessa, quais são essas coisas imperdíveis para fazer em Monopoli?

 

1) Fazer um passeio de catamarã pelo litoral

Quanto é lindo o litoral da Puglia? Sem dúvida alguma um dos pontos altos da minha viagem foi o passeio de catamarã com o Michele do Rent me Charter. Nós fomos contornando a inteira costa, vendo as praias de Monopoli de outro ponto de vista. O dia estava lindo e o mar muito tranquilo.

Passeio de Barco na Puglia

O catamarã do Rent me Charter

O tour pelo litoral de Monopoli durou cerca de 3h. Almoçamos à bordo do catamarã e tivemos algumas paradas para mergulho. É um passeio que vale muito a pena, mesmo para quem não quiser mergulhar e só quiser curtir a paisagem. Além do litoral de Monopoli, há opções de tours para conhecer as grutas de Polignano a Mare.

Dicas da Puglia - Monopoli

A vista à bordo do Catamarã

Um passeio pelo litoral pode custar de 30 a 50 euros por pessoa (depende no mês, em julho e agosto custam mais caro), um ótimo custo x benefício. Para saber mais sobre os passeios, visite o site da Rent me Charter.

 

2) Caminhar sem rumo pelas ruas estreitas

Literalmente perdi as contas de quantas vezes me perdi pelas ruazinhas do centro histórico de Monopoli. É um labirinto. Parece que algumas ruelas nem foram mapeadas pelo Google Mapas, ele não as enxerga! Enfim, não estou reclamando, depois de um certo ponto comecei a achar isso uma ótima vantagem, porque cada vez em conhecia um lugar novo, dava de cara com uma casinha linda, uma nova varanda florida, uma cena digna de fotografia.

Monopoli, Puglia

Aí você dobra em uma esquina qualquer e dar de cara com uma casinha assim…

Caminhar sem rumo pelas ruas do centro histórico de Monopoli é algo que você não deve deixar de fazer.

 

3) Conhecer a cidade e seus arredores de bicicleta

Um dos meus modos preferidos de conhecer as cidades é de bicicleta. Por isso, sempre que possível, tento contratar um bike tour. Me divirto e ainda me sinto menos em culpa por toda as gostosuras que eu como quando estou passeando.

No caso de Monopoli, fiz um tour de bicicleta com o pessoal do Apulia – La Finestra sul Mare. Nossa guia, Antonella, nos levou para conhecer a zona de rural de Monopoli. Passeamos por estradas de chão batido, em meio a fazendas tradicionais e a oliveiras seculares. A propósito, o interior da Puglia é uma maravilha, a gente vê oliveiras gigantescas por todos os lados.

Dicas da Puglia: passeio de bicicleta

Um passeio pelas plantações de azeitonas!

O tour durou uma manhã inteira e nós pedalamos por cerca de 20km. Pode parecer muito para quem não está acostumado, mas como fazemos muitas paradas ao longo do percurso, não dá para sentir. Durante o passeio a Antonella nos levou para conhecer algumas “masseria” (fazendas fortificadas, extremamente comuns na Puglia e no sul da Itália em geral).

Masseria em Monopoli, Puglia

Uma das masserias que visitamos.

A coisa interessante das fazendas que visitamos é que elas não eram somente um lugar onde se cultivava. Eram propriedades com uma história antiga, construídas por cima de igrejas rupestres que conseguiram ficar inteirinhas até hoje. Essas igrejas, ao longo dos séculos, foram utilizadas para outras funções, como depósito ou até como o lugar onde se fazia o azeite de oliva. De fato, por estarem sujeitas às ações atmosféricas e sem nenhum cuidado, pouco resta das pinturas de época bizantina.

Dicas da Puglia: passeio de bicicleta

Nossa guia Antonella explicando as pinturas bizantinas nas paredes.

Para saber mais sobre os passeios de bicicleta em Monopoli, visite http://www.comingpuglia.it/

 

4) Alugar uma Vespa e sair fazendo um tour pelas praias

Sabe aquela sensação de liberdade, com a brisa do mar batendo no rosto? Andar de Vespa pelas estradinhas da Itália é uma emoção única, além de ser muito prático (evita-se eventuais engarrafamentos) e barato.

Dicas da Puglia: passeio de vespa

Com o pessoal do Way to Move – La Puglia in Vespa, fomos à descoberta das praias nos arredores de Monopoli. Fizemos um tour pelas praias, parando em quatro ou cinco, mas o que eu recomendo mesmo é que você pegue a sua Vespa e faça seu passeio por conta própria. Assim você tem a liberdade de ir para onde quiser, fazer o que quiser, como por exemplo dar um pulo em Polignano a Mare!

A locadora Way to Move fica em Monopoli, na Via Tenente G. Vacca, nº 6. Para saber mais sobre as locações de Vespas e de Fiats 500, visite www.waytomove.it.

 

 

5) Dar um mergulho em uma das tantas enseadas

Seja indo a pé, de bicicleta ou de Vespa, caso viaje de maio a setembro, não deixe de ir às praias de Monopoli para dar um mergulho nas águas cristalinas dePorto Bianco, Porto Rosso, Porto Nero, Porto Verde…

Dicas da Puglia - Monopoli

A praia de Porto Rosso, no final da área urbana de Monopoli.

A costa de Monopoli é repleta de enseadas (chamas calette) que dão origem a prainhas tranquilas, com mar calmo e cristalino, tendendo ao esmeralda. São muito frequentadas principalmente por família com crianças, já que são aqueles tipos de praia que você caminha por vários metros e a água mal chega à cintura.

Meu único conselho: é melhor evitar ir a essas praias nos domingos de verão, porque ficam lotadíssimas!

6) Fazer um passeio de gozzo

Quando li sobre a possibilidade de fazer um passeio de gozzo em Monopoli, a primeira pergunta foi: mas o que é um gozzo? Praticamente é um barquinho de pesca, em forma de olho, típico da tradição marítima italiana, muito presente na Puglia, na Liguria, na Sicília e na costa da Toscana.

Dicas da Puglia - Monopoli

Os barquinhos no cais de Monopoli.

Os gozzi de Monopoli são caracterizados pela cor azul e muitos deles ainda vão a remo. Como são barquinhos bem pequenos, a gente sente cada movimento das ondas. Além disso, por causa da forma elíptica, manter o equilíbrio da embarcação não parece uma tarefa fácil (qualquer movimento brusco dá a impressão que o barco vai virar). No entanto, o Remo (olha que nome mais adequado! rsrs), o pescador que nos guiou, sabia bem o que estava fazendo com cada movimento do barco. O passeio foi uma delicia!

Dicas da Puglia - Monopoli

Remo e o gozzo do pessoal do Porto Pino.

 

7) Aventurar-se em uma aula de culinária

Como eu adoro cozinhar, um dos momentos mais legais da minha viagem foi a aula de culinária que fiz na Masseria Spina. A Masseria é uma fazenda aristocrática de uma importante família da região. Fomos recebidos pela proprietária, que nos guiou pela fazenda, contando a história de cada lugar.

Depois do tour pela propriedade, nos esperava uma bela aula de culinária onde aprenderíamos a fazer dois pratos típicos da Puglia: Panzerotto e “riso, patate e cozze” (arroz, batatas e mexilhões). No final, faríamos também uma crostata como de sobremesa.

Iniciamos preparando o panzerotto, que é uma espécie de calzone frito. Uma delícia e super fácil de preparar (em breve publicarei a receita aqui).

Aula de culinária na Puglia

Mãos na massa e panzerotti prontos para serem fritos!

Quem nos orientou na preparação dos pratos foi a Benedetta, que guias os cursos de culinária na Masseria Spina. Todos os pratos foram muito fáceis de fazer e eu garanto que, mesmo quem não tem intimidade com o fogão, aprende. Além de tudo isso, as aulas são feitas ao ar livre, degustando uma taça de vinho, enfim, o clima é delicioso.

Aula de culinária na Puglia

Benedetta e a crostata prontinha.

Podem participar das aulas de culinária qualquer pessoa, não somente os hóspedes da Masseria. Caso queira aprender a fazer alguns pratos típicos da Puglia, participando de uma aula de culinária na Masseria Spina, visite http://www.masseriaspina.it/

Monopoli ainda tem muito a revelar e as dicas da Puglia não param por aqui!

 

 

Nota: Eu participei desta viagem de imprensa como convidada pela associação OTMonopoli. Este post faz parte de uma série de textos baseados nas minhas experiências durante esta viagem. Todos serão identificados. Não recebi dinheiro para escrever, não tenho nenhum vínculo de obrigações de produção de textos, divulgação de mídia social, portanto tenho total liberdade editorial.

blogtour

* Este post contém links para afiliados. Para ver nossa política de monetização, clique aqui.

♦ Mapa                                                                                     

 

 

 

The following two tabs change content below.
Patrícia Kalil
Patricia Kalil, graduada em administração de empresas, mora na Sicília desde 2007 e é autora do blog Descobrindo a Sicília. Ela deixou o calor e as festas de Salvador para abraçar as belezas de outro lugar tão acolhedor quanto a Bahia e mergulhou na cultura e na história milenar da Sicília. Apaixonada desde sempre por viagens e pela língua e cultura italiana, acabou unindo o útil ao agradável e decidiu espalhar aos quatro ventos que a Sicília merece ser vista.
 

Deixe uma resposta

Style Switcher

Skin:

Backgrounds:

                       

You can also upload your own background from the Admin Panel.

Highlight Color:

             

Best viewed within the shop.

You can also create your own highlight color from the Admin Panel.